AUTISMO EM GOIÂNIA

Seguidores

PALAVRAS DA FONOAUDIÓLOGA E MÃE MARILUCE

Eu não vou mudar meu filho porque é autista; eu prefiro mudar o mundo, e fazer um mundo melhor; pois é mais fácil meu filho entender o mundo, do que o mundo entender meu filho.

ESTOU SEMPRE NA BUSCA DE CONHECIMENTOS PARA AJUDAR MEU FILHO E PACIENTES. NÃO SOU ADEPTA DE NENHUM MÉTODO ESPECÍFICO, POIS PREFIRO ACREDITAR NOS SINAIS QUE CADA CRIANÇA DEMONSTRA. O MAIS IMPORTANTE É DEIXÁ-LOS SEREM CRIANÇAS, ACEITAR E AMAR O JEITO DIFERENTE DE SER DE CADA UM, POIS AFINAL; CADA CASO É UM CASO E PRECISAMOS RESPEITAR ESSAS DIFERENÇAS. COMPARAÇÃO? NÃO FAÇO NENHUMA. ISSO É SOFRIMENTO. MEU FILHO É ÚNICO, ASSIM COMO CADA PACIENTE.
SEMPRE REPASSO PARA OS PAIS - INFORMAÇÕES, ESTRATÉGIAS, ACOMODAÇÕES E PEÇO GENTILMENTE QUE "ESTUDEM" E NÃO FIQUEM SE LUDIBRIANDO COM "ESTÓRIAS" FANTASIOSAS DA INTERNET. PREFIRO VIVER O DIA APÓS DIA COM A CERTEZA DE QUE FAÇO O MELHOR PARA MEU FILHO E PACIENTES E QUE POSSO CONTAR COM OS MELHORES TERAPEUTAS - OS PAIS.

Por Mariluce Caetano Barbosa




COMO DEVO LIDAR COM MEU FILHO AUTISTA?

Comece por você, se reeduque, pois daqui pra frente seu mundo será totalmente diferente de tudo o que conheceu até agora. Se reeducar quer dizer: fale pouco, frases curtas e claras; aprenda a gostar de musicas que antes não ouviria; aprenda a ceder, sem se entregar; esqueça os preconceitos, seus ou dos outros, transcenda a coisas tão pequenas. Aprenda a ouvir sem que seja necessário palavras; aprenda a dar carinho sem esperar reciprocidade; aprenda a enxergar beleza onde ninguém vê coisa alguma; aprenda a valorizar os mínimos gestos. Aprenda a ser tradutora desse mundo tão caótico para ele, e você também terá de aprender a traduzir sentimentos, um exemplo disso: "nossa, meu filho tá tão agressivo", tradução: ele se sente frustrado e não sabe lidar com isso, ou está triste, ou apenas não sabe te dizer que ele não quer mais te ver chorando por ele.

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

FUNÇÕES EXECUTIVAS

Quais são as funções executivas? 
As funções executivas são conjunto de ferramentas para implementação e habilidades cognitivas que permitem o estabelecimento de pensamento estruturado, planejamento e prata em termos de objectivos, antecipar e definir metas, cronograma de monitoramento de rotina através do design planos e programas para orientar o início, desenvolvimento e fechamento de atividades acadêmicas ou profissionais, o desenvolvimento do pensamento abstrato e operações mentais, a autoregularización e tarefas de monitoramento e sua organização no tempo e no espaço.
Quais são as funções executivas? 
• O pensamento estruturado 
• Agendar trilha 
• Estabelecimento de um plano de metas estratégicas e desafios 
• Ranking das idéias 
no tempo • Operacionalidade 
• A memória de trabalho 
• Auto-monitorização do desenvolvimento da tarefa 
• Capacidade de organização e administração tarefa (agenda)
Há certos elementos que devem ser envolvidos em funções executivas, que são: 
1. Estabelecimento de cuidados, acreditamos que é uma orientação de habilidade em uma tarefa específica, onde é necessário para inibir a informação que não é relevante para resolver a atividade solicitada. Existem vários tipos de cuidados, que estão implícitas nas funções executivas estão relacionadas a: 
• Cliente focado: que é se concentrar especificamente sobre certos aspectos do ambiente ou nas respostas que vão correr.
• A atenção seletiva definida como a capacidade para implementar a tarefa de gestão ou processo que parte da informação ambiental e respondem apenas a certas exigências do meio ambiente.
• A atenção sustentada o assunto mantém sua atenção fixa ou voluntariamente em um objeto, idéia ou atividade em detrimento de outros.
2. Construção da memória: sabemos que a retenção de memória é responsável pela actualização permanente da informação (post, armazenar, reconhecer, lembrar, localizar eventos passados). Em princípio, inclui um registro ou informação de codificação através de diferentes canais sensoriais, então o armazenamento destas informações e, como última etapa, a evocação da informação. Os tipos de memória envolvidos em funções executivas são: 
• Memória de trabalho: Baddeley terminou implementadas para descrever a memória temporária "Online" que os humanos usam para determinadas tarefas e para resolver certos problemas. Esta memória tem a capacidade de armazenar temporariamente as informações para executar uma tarefa, permitindo-nos satisfazer as condições e regras e uma vez que aprendi a ter a resposta esperada. é dividido em três subcomponentes: 
ou controle da atenção 
ou habilidade visuo-espaciais para manipular imagens, 
ou circuito articulatório fonológico, que armazena informações e opiniões baseadas na linguagem.
• Memória de procedimento: envolvidos na aprendizagem de diferentes tipos de habilidades que não são representados como informação explícita sobre o mundo (não diretamente acessíveis à consciência como andar de bicicleta). O mesmo "ativado" de forma automática e gradualmente, como uma seqüência de ações políticas, às exigências de uma tarefa. Eles consistem de uma série de motores de códigos (escrever) ou estratégias cognitivas (calcular) para que apenas inconsciente.
3. Estabelecimento de motivações, emoções e afetos, o homem começou a explorar o mundo de motivação, a motivação é o motivo ou impulso que leva o homem a alcançar um objetivo. Entre as motivações mais comuns que induzem mudanças no comportamento dos adolescentes, e afeta o relacionamento com os pais, é a busca de sentido ou o canal do seu plano de vida.
Controle das emoções tem a ver com a inteligência que é obtido com as emoções que permitem a definição e direção aos objetivos e propósitos elevados, que é um marco importante para o desenvolvimento de funções executivas. Também afeta, a principal ferramenta de confiança com o mundo ao nosso redor.
Neste sentido, tanto a motivação, segurança emocional e autonomia responsável são fatores chave para o desenvolvimento de um plano apoiado por objetivos e desafios.
4. Desenvolvimento da Linguagem interior: A linguagem é a capacidade humana de se comunicar através de um sistema de signos ou linguagem. Nessa linha de idéias língua, interior que permite ao indivíduo a comportar-se no início de continuação, e realização de metas. O diálogo interno pode orientar e controlar o nosso próprio comportamento através da auto-dirigido instrução. O verbalizações auto-ajudar-nos a manter a nossa maneira de nossos planos e objetivos, nos ajudar a melhorar nas seguintes ocasiões quando temos que fazer o trabalho e nos dão motivo para torcer na execução de tarefas.
Como faço para ativar funções executivas? 
Para o desenvolvimento das funções executivas são necessárias para colocar os planos de ação paralela que lidam com treinamento em estratégias de aprendizagem, metas do plano, o desenvolvimento do discurso interior e de memória.
ESTRATÉGIAS DE FORMAÇÃO DE APRENDIZAGEM: 
• Conhecimento do caminho ideal de aprendizagem (visual, auditivo, combinado) 
• Compreensão de Leitura 
• Reconhecer as idéias principais e complementares 
• Usando mapas conceituais, resumos que resumem a informação dada 
Estratégias • mnemônicos ou o estabelecimento de analogias 
• Tomar notas 
• Raciocínio lógico 
raciocínio • operações mentais e abstratos
PREPARAÇÃO DO PLANO DE AÇÃO OU METAS: 
• Reconhecer e metas escolhendo 
• Plano para alcançar o sucesso: uma análise das atividades necessárias, escolha da estratégia 
• Implementação do plano: Iniciar ou inibir atividades 
progressos alcançados: • Avaliação da implementação do plano de modificar as estratégias tão eficazes, mantendo a seqüência de atividades e esforço 
• Reconhecimento de realização
Linguagem de Desenvolvimento INTERIOR: 
• Proporcionar estratégias para o comportamento reflexivo (difícil pensar sobre o que acontece) 
• Capacidade para resolver problemas em diferentes áreas de pessoal (falta de metodologia e procedimentos)
• Ganho de capacidade maior para auto-avaliação do comportamento ( grandes dificuldades de auto-observação do comportamento)
DESENVOLVIMENTO EM MEMÓRIA DE TRABALHO: 
• Organização de espaços de trabalho 
• Siga as instruções 
. • Técnicas Association (associação de um item com outro ou outros) elementos 
• técnica de encadeamento (link-inter as informações que querem aprender) 
Aritmética •
Karina Paredes Lic 
DBI Humane Education 
. Diretor 
Fonte: Psicologia e Pedagogia
Artigos relacionados:
Postar um comentário

NOSSO JORNAL

ESSE É O NOSSO DIFERENCIAL!

ESSE É O NOSSO DIFERENCIAL!
PROGRAMA ESTRUTURADO, INDIVIDUALIZADO. ATENDIMENTO DOMICILIAR.

Postagens populares

Minha lista de blogs

Ocorreu um erro neste gadget

GOOGLE ANALÍTICO