AUTISMO EM GOIÂNIA

Seguidores

PALAVRAS DA FONOAUDIÓLOGA E MÃE MARILUCE

Eu não vou mudar meu filho porque é autista; eu prefiro mudar o mundo, e fazer um mundo melhor; pois é mais fácil meu filho entender o mundo, do que o mundo entender meu filho.

ESTOU SEMPRE NA BUSCA DE CONHECIMENTOS PARA AJUDAR MEU FILHO E PACIENTES. NÃO SOU ADEPTA DE NENHUM MÉTODO ESPECÍFICO, POIS PREFIRO ACREDITAR NOS SINAIS QUE CADA CRIANÇA DEMONSTRA. O MAIS IMPORTANTE É DEIXÁ-LOS SEREM CRIANÇAS, ACEITAR E AMAR O JEITO DIFERENTE DE SER DE CADA UM, POIS AFINAL; CADA CASO É UM CASO E PRECISAMOS RESPEITAR ESSAS DIFERENÇAS. COMPARAÇÃO? NÃO FAÇO NENHUMA. ISSO É SOFRIMENTO. MEU FILHO É ÚNICO, ASSIM COMO CADA PACIENTE.
SEMPRE REPASSO PARA OS PAIS - INFORMAÇÕES, ESTRATÉGIAS, ACOMODAÇÕES E PEÇO GENTILMENTE QUE "ESTUDEM" E NÃO FIQUEM SE LUDIBRIANDO COM "ESTÓRIAS" FANTASIOSAS DA INTERNET. PREFIRO VIVER O DIA APÓS DIA COM A CERTEZA DE QUE FAÇO O MELHOR PARA MEU FILHO E PACIENTES E QUE POSSO CONTAR COM OS MELHORES TERAPEUTAS - OS PAIS.

Por Mariluce Caetano Barbosa




COMO DEVO LIDAR COM MEU FILHO AUTISTA?

Comece por você, se reeduque, pois daqui pra frente seu mundo será totalmente diferente de tudo o que conheceu até agora. Se reeducar quer dizer: fale pouco, frases curtas e claras; aprenda a gostar de musicas que antes não ouviria; aprenda a ceder, sem se entregar; esqueça os preconceitos, seus ou dos outros, transcenda a coisas tão pequenas. Aprenda a ouvir sem que seja necessário palavras; aprenda a dar carinho sem esperar reciprocidade; aprenda a enxergar beleza onde ninguém vê coisa alguma; aprenda a valorizar os mínimos gestos. Aprenda a ser tradutora desse mundo tão caótico para ele, e você também terá de aprender a traduzir sentimentos, um exemplo disso: "nossa, meu filho tá tão agressivo", tradução: ele se sente frustrado e não sabe lidar com isso, ou está triste, ou apenas não sabe te dizer que ele não quer mais te ver chorando por ele.

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Materiais Pedagógicos Adaptados

http://espacoaprendente.blogspot.com.br/2012/11/materiais-pedagogicos-adaptados.html?spref=fb
Bastões táteis
Tampas pet com informações táteis 
Caixa surpresa
Porta ovos com informações táteis

Tênis para treino de laço

Tênis para treino de laço

Suporte para tampar e destampar

Jogo da memória tátil  (tampas pet com texturas)

                                          Jogo da memória tátil  (tampas pet com texturas)

Placa de liso e áspero

Celas Braille (encaixar tampas pet)
 Celas Braille (encaixar bolinha na tampa)
 Celas Braille pequenas (encaixar esferas)

Celas Braille em caixa de fósforos  e letras em alto contraste

                                      Celas Braille em caixa de fósforos e letras em alto contraste
 Dupla cela braile Grande (velcro)

Encaixe dos pedaços de macarrão nos furinhos da caixa
 Alinhavo no arame revestido e os retros de linha
 Quebra-cabeça de palito picolé...
 
...pode confeccionar o quebra-cabeça com foto da criança, personagens preferidos ou alimentos.
Placa com botões diferentes e pedaços de feltro; Encaixe do feltro no botão.
Esconder objetos pequenos dentro da massinha.Depois parear a figura com objeto. 


 Palito de picolé com velcro.Criar e imaginar letras e formas geométricas
                    
Enfiagem dos canudinhos nos buracos de uma cesta.

Perfuração em cima da letra no sentido da escrita.
Encaixe do agulha de crochê sem ponta.


Classificando formatos de botão na bandeja.

 
 Pegar objetos pequenos (clips, massinha, algodão) com tesoura.Treinar o movimento abrir/fechar da tesoura sem ponta.

Brincadeira Pescaria  Na escola, a pescaria pode ser com cores, letras, números ou nomes dos colegas.Trabalhar a coordenação viso-motora.

 ALINHAVO com peças de cores, letras ou números. Pode confeccionar com papel cartão plastificado e trabalhar alinhavo sequenciação( montagem das letras do nome) ou (sequência dos números).

COLAGEM no Balão.Trabalhar Esquema corporal (olho,boca, nariz, orelha)

cartelas com as letras e colocar o pregador de roupa na letra representada.Trabalhar fortalecimento muscular dedo indicador e polegar.

escrever as letras com o dedo indicador -trabalhar os movimentos do dedo para sentido e direção correta das letras.

Escrever as letras do alfabeto com cola colorida e passar o dedo indicador em cima da letrinha.Pode confeccionar cartões com as letras com texturas diferentes(emborrachado,lixa,espuma) -Trabalhar a percepção tátil e os movimentos do dedo indicador -preparação para escrita. Depois pode brincar com criança,falar uma palavra com a letra(associação).

pegar objetos pequenhos com palitinho de japonês ou de cabelo(colocar uma gominha para facilitar os movimentos abrir e fechar) e transferir os objetos para vasilha.

jogo de pinos ou Resta um -Trabalhar os movimentos pinça fina indicador e polegar para encaixe dos pinos.



Pegar objetos pequenos com uso do talher e colocar na forma de Gelo. Dicas bolinhas de algodão colorido ou bolinhas de massinha.Pode trabalhar com os números e quantidade.

Colocar a borracha na ponta do lápis.Trabalha coordenação viso-motora e movimento pinça fina(encaixe)

......depois trabalhar as cores e quantidade.

Pegar objetos pequenos com uso da colher e colocar na caixa de Ovo. Criança canhota (foto)

Brincadeira Lousa Mágica (para desenhar ou escrever)

Fazer o movimento do lápis na massinha caseira. Desenhar ou escrever as letras do nome.

Atividade de ligar as figuras idênticas.Ajuda a trabalhar o movimento da escrita esquerda para direita e coordenação viso-motora.

Cartelas de formas com texturas diferentes(lixa, lã)depois confeccionar cartelas letras e números texturizados


Brinquedos de Madeira (montar/desmontar,encaixe e empilhar)


Abrir e fechar potes grandes/médios e pequenos


Atividade quebra-cabeça(cores,formas e tamanhos diferentes)


Perfuração de papel


Dobradura de guardanapos ou papel 

PERCEPÇÃO TÁTIL


Caixa tátil para estimular a percepção das variações táteis.

A criança coloca a mão dentro da caixa retira uma peça e depois retorna para procurar o par ou identificar o objeto. Pode ser confeccionada a partir de caixa comum com peças de EVA revestidas com tecidos de diferentes texturas, folha de lixa, algodão, botão, linha, lã, plástico, areia, barbante, velcro, tinta plástica ou tinta relevo. Esta atividade pode ser realizada com todos os alunos videntes ou não.

Materiais necessários:

Caixa de papelão comum, (pode ser de sapato), tesoura, papel dobradura, um círculo de EVA, cola quente, materiais diversos para serem identificados pelo tato.


NÚMEROS E QUANTIDADES ADAPTADAS

Materiais necessários:

Lixa de madeira, cola quente e cola comum, tesoura, barbante e tinta relevo.

Modo de fazer

1. Recorte quadradinhos de lixa.
2. Cole-os no papelão revestido, de acordo com a quantidade. Passe cola no formato do número.
3. Cole o barbante e escreva os números que forem necessários para o trabalho que você estiver realizando, e as peças estarão prontas!
Se necessário colocar os pontinhos braile em tinta relevo ou tinta plástica e estão prontos!






Fontes: http://silvanapsicopedagoga.blogspot.com.br
Postar um comentário

NOSSO JORNAL

ESSE É O NOSSO DIFERENCIAL!

ESSE É O NOSSO DIFERENCIAL!
PROGRAMA ESTRUTURADO, INDIVIDUALIZADO. ATENDIMENTO DOMICILIAR.

Postagens populares

Minha lista de blogs

Ocorreu um erro neste gadget

GOOGLE ANALÍTICO