AUTISMO EM GOIÂNIA

Seguidores

PALAVRAS DA FONOAUDIÓLOGA E MÃE MARILUCE

Eu não vou mudar meu filho porque é autista; eu prefiro mudar o mundo, e fazer um mundo melhor; pois é mais fácil meu filho entender o mundo, do que o mundo entender meu filho.

ESTOU SEMPRE NA BUSCA DE CONHECIMENTOS PARA AJUDAR MEU FILHO E PACIENTES. NÃO SOU ADEPTA DE NENHUM MÉTODO ESPECÍFICO, POIS PREFIRO ACREDITAR NOS SINAIS QUE CADA CRIANÇA DEMONSTRA. O MAIS IMPORTANTE É DEIXÁ-LOS SEREM CRIANÇAS, ACEITAR E AMAR O JEITO DIFERENTE DE SER DE CADA UM, POIS AFINAL; CADA CASO É UM CASO E PRECISAMOS RESPEITAR ESSAS DIFERENÇAS. COMPARAÇÃO? NÃO FAÇO NENHUMA. ISSO É SOFRIMENTO. MEU FILHO É ÚNICO, ASSIM COMO CADA PACIENTE.
SEMPRE REPASSO PARA OS PAIS - INFORMAÇÕES, ESTRATÉGIAS, ACOMODAÇÕES E PEÇO GENTILMENTE QUE "ESTUDEM" E NÃO FIQUEM SE LUDIBRIANDO COM "ESTÓRIAS" FANTASIOSAS DA INTERNET. PREFIRO VIVER O DIA APÓS DIA COM A CERTEZA DE QUE FAÇO O MELHOR PARA MEU FILHO E PACIENTES E QUE POSSO CONTAR COM OS MELHORES TERAPEUTAS - OS PAIS.

Por Mariluce Caetano Barbosa




COMO DEVO LIDAR COM MEU FILHO AUTISTA?

Comece por você, se reeduque, pois daqui pra frente seu mundo será totalmente diferente de tudo o que conheceu até agora. Se reeducar quer dizer: fale pouco, frases curtas e claras; aprenda a gostar de musicas que antes não ouviria; aprenda a ceder, sem se entregar; esqueça os preconceitos, seus ou dos outros, transcenda a coisas tão pequenas. Aprenda a ouvir sem que seja necessário palavras; aprenda a dar carinho sem esperar reciprocidade; aprenda a enxergar beleza onde ninguém vê coisa alguma; aprenda a valorizar os mínimos gestos. Aprenda a ser tradutora desse mundo tão caótico para ele, e você também terá de aprender a traduzir sentimentos, um exemplo disso: "nossa, meu filho tá tão agressivo", tradução: ele se sente frustrado e não sabe lidar com isso, ou está triste, ou apenas não sabe te dizer que ele não quer mais te ver chorando por ele.

sábado, 5 de março de 2011

MEDICINA BIOMOLECULAR - DIETA SEM GLÚTEN E CASEÍNA

Autismo



Prof. Dr. José de Felippe Junior



Há evidências que apoiam a existência de uma relação entre aditivos alimentares, conservantes e a função mental. Qualquer sensibilidade de origem alimentar, alergia ou intolerância alimentar, deve ser investigada. È recomendado evitar alimentos agressivos como os derivados do leite, nozes, trigo, ovos, etc., mas somente com exame apropriados podemos diagnosticar os alimentos prejudiciais (vide: alergia/intolerância alimentar no site )
Dietas ricas em fibras com muitas frutas e vegetais crus, grãos integrais e legumes são recomendados.
Mantenha o consumo de açúcar branco baixo e use carnes magras.
Não consuma cafeína nem álcool e fique longe de alimentos processados que tenham um alto teor de nitratos, sódio e outros conservantes.
É sábio manter os níveis de açúcar no sangue não diminuídos, ingerindo várias pequenas refeições ao longo do dia, ao invés de uma ou duas refeições grandes. Os neurônios se alimentam de glicose. Quando você ingere açúcar refinado , ele provoca secreção exagerada de insulina pelo pâncreas e 2 a 5 horas após a sua ingestão pode ocorrer queda da glicemia, queda dos níveis de glicose que chegam aos neurônios e piora de vários aspectos da função cerebral .


Suplementos nutricionais recomendados
NUTRIENTES PRIMÁRIOS
Vitamina/Suplemento mineral: Um suplemento vitamínico/mineral potente com base orgânica é recomendado. Dose sugerida: Ingerir como recomendado.Não existe suplemento adequado nas farmácias. O certo é descobrir qual ou quais nutrientes estão faltando para aquele paciente em especial e repor o que for necessário, sempre ensinando a busca - los nos alimentos, na quitanda , no supermercado, no pomar.
Vitamina B6 com magnésio: Essencial para a estabilidade emocional e mental. Estudos confirmam o uso deste duo para o comportamento autista. A depleção de vitamina B6 foi relacionada com um grande número de distúrbios mentais. O uso da vitamina B6 em conjunção com o magnésio resultou numa melhora marcante em sessenta crianças autistas num estudo duplo-cego. A vitamina B6 deve ser ingerida com o magnésio e não isolada. Dose sugerida: 150mg de vitamina B6 em três doses iguais. Use as variedades sublinguais. Ingerir 1.000mg de magnésio por dia. Garanta a ingestão dos dois suplementos ao mesmo tempo. Conversar antes com o médico assistente.
Cálcio/magnésio: Ajuda a acalmar o sistema nervoso e é vital para a função normal do cérebro. Cento e sessenta e cinco meninos com distúrbios mentais e dificuldades de aprendizado estavam deficientes em magnésio. Dose sugerida: 1.000mg de cada por dia. Use variedades queladas e procure por citrato de cálcio ou gluconato. Não se esqueça de avisar o seu médico.
Vitaminas do complexo B: Um mix vitamínico muito importante para a função mental normal. Indivíduos com dificuldades de aprendizado, esquizofrenia e outros distúrbios mentais sofrem, com frequência, de deficiência de vitamina B. Um estudo confirma a capacidade desta vitamina tratar efetivamente indivíduos esquizofrênicos que não respondiam à terapia com medicamentos psicotrópicos. Dose sugerida: 50 mg em cada refeição.
GABA: Alguns estudos mostram que o uso de GABA ( ácido gama-amino butírico) pode ajudar a reduzir a hiperatividade e também beneficiar crianças com dificuldades de aprendizado. Dose sugerida: Ingerir como recomendado.
Centella asiatica: Pode melhora as habilidades mentais de crianças inaptas. Após a terapia com a Centella asiatica, 30 crianças que eram consideradas inaptas eram capazes de focarem suas tarefas e concentravam-se mais. 5 Dose sugerida: Ingerir como recomendado, usando produtos de potência garantida e padrão.
Raiz de valeriana: Na Alemanha, esta erva tem sido usada com sucesso para tratar um número de distúrbios do comportamento infantil. 6 Dose sugerida: Ingerir como recomendado.

NUTRIENTES SECUNDÁRIOS
Vitamina C com bioflavonóides: Considerada um bom anti-oxidante, esta vitamina também ajuda a contra-atacar os efeitos do estresse. Dose sugerida: Ingerir como recomendado.

Tirosina: Ajuda a aumentar os níveis de dopamina, promovendo uma melhora na "vigília" mental. Dose sugerida: Ingerir como recomendado com o estômago vazio e com suco de frutas.

Gingko biloba: Mais e mais pesquisas apoiam o uso do gingko para distúrbios ligados ao cérebro. Apresenta uma capacidade distinta de capturar os radicais livres e estimular a oxigenação do tecido cerebral. Trabalhos recentes não mostraram efeitos tão bons para a memória e a concentração. Dose sugerida: Ingerir como recomendado usando produtos de potência garantida.

Hypericum perforatum: Este fitoterápico ficou recentemente conhecido como viável para o tratamento da depressão. Dada suas propriedades anti-depressivas e sua capacidade de ajudar a normalizar os distúrbios do sono, é recomendado para o autismo. Muito cuidado, ele pode provocar lesões hepática severas e somente deve ser empregfado sob prescrição médica. Foi proibido na Alemanha. Dose sugerida: Ingerir como recomendado com as refeições.

Colina: Funciona nutrindo as terminações nervosas e estimulando a circulação cerebral. Dose sugerida: 1.000mg por dia. Verifique com o seu médico antes de usar esta suplementação.

Coenzima Q10: Estimula a circulação e está atualmente, sendo pesquisada quanto aos distúrbios do cérebro. Dose sugerida: Ingerir como recomendado. OBSERVAÇÃO: As doses devem ser ajustadas de acordo com a idade da pessoa envolvida. As seguintes doses são para adultos ou para aqueles com mais de dezoito. Verifique com o seu médico se estiver tratando de uma criança com menos de doze. O uso de estatinas, drogas utilizadas para abaixar o colesterol, diminuem drasticamente os níveis de coenzima Q10 e propiciam o aparecimento de miocardiopatia e insuficiência cardíaca.

OUTRAS TERAPIAS DE APOIO
MASSAGEM: Se a criança permitir, massagear pés e mãos com óleos aromáticos como o de hortelã, pode ajudar a encorajar o toque e também estimular a percepção sensorial.
MUSICOTERAPIA: A música também pode proporcionar estímulos auditivos que podem ajudar a acalmar ou a intrigar a criança. Algumas crianças autistas têm um talento musical excepcional, que deve ser cultivado.
Postar um comentário

NOSSO JORNAL

ESSE É O NOSSO DIFERENCIAL!

ESSE É O NOSSO DIFERENCIAL!
PROGRAMA ESTRUTURADO, INDIVIDUALIZADO. ATENDIMENTO DOMICILIAR.

Postagens populares

Minha lista de blogs

Ocorreu um erro neste gadget

GOOGLE ANALÍTICO