AUTISMO EM GOIÂNIA

Seguidores

PALAVRAS DA FONOAUDIÓLOGA E MÃE MARILUCE

Eu não vou mudar meu filho porque é autista; eu prefiro mudar o mundo, e fazer um mundo melhor; pois é mais fácil meu filho entender o mundo, do que o mundo entender meu filho.

ESTOU SEMPRE NA BUSCA DE CONHECIMENTOS PARA AJUDAR MEU FILHO E PACIENTES. NÃO SOU ADEPTA DE NENHUM MÉTODO ESPECÍFICO, POIS PREFIRO ACREDITAR NOS SINAIS QUE CADA CRIANÇA DEMONSTRA. O MAIS IMPORTANTE É DEIXÁ-LOS SEREM CRIANÇAS, ACEITAR E AMAR O JEITO DIFERENTE DE SER DE CADA UM, POIS AFINAL; CADA CASO É UM CASO E PRECISAMOS RESPEITAR ESSAS DIFERENÇAS. COMPARAÇÃO? NÃO FAÇO NENHUMA. ISSO É SOFRIMENTO. MEU FILHO É ÚNICO, ASSIM COMO CADA PACIENTE.
SEMPRE REPASSO PARA OS PAIS - INFORMAÇÕES, ESTRATÉGIAS, ACOMODAÇÕES E PEÇO GENTILMENTE QUE "ESTUDEM" E NÃO FIQUEM SE LUDIBRIANDO COM "ESTÓRIAS" FANTASIOSAS DA INTERNET. PREFIRO VIVER O DIA APÓS DIA COM A CERTEZA DE QUE FAÇO O MELHOR PARA MEU FILHO E PACIENTES E QUE POSSO CONTAR COM OS MELHORES TERAPEUTAS - OS PAIS.

Por Mariluce Caetano Barbosa




COMO DEVO LIDAR COM MEU FILHO AUTISTA?

Comece por você, se reeduque, pois daqui pra frente seu mundo será totalmente diferente de tudo o que conheceu até agora. Se reeducar quer dizer: fale pouco, frases curtas e claras; aprenda a gostar de musicas que antes não ouviria; aprenda a ceder, sem se entregar; esqueça os preconceitos, seus ou dos outros, transcenda a coisas tão pequenas. Aprenda a ouvir sem que seja necessário palavras; aprenda a dar carinho sem esperar reciprocidade; aprenda a enxergar beleza onde ninguém vê coisa alguma; aprenda a valorizar os mínimos gestos. Aprenda a ser tradutora desse mundo tão caótico para ele, e você também terá de aprender a traduzir sentimentos, um exemplo disso: "nossa, meu filho tá tão agressivo", tradução: ele se sente frustrado e não sabe lidar com isso, ou está triste, ou apenas não sabe te dizer que ele não quer mais te ver chorando por ele.

sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

LIVROS E MANUAIS

http://edicacionespecialpr.tripod.com/id15.html


Nota : Para a sua necessidade programa de leitura: Adobe Acrobat Reader
Títulos:

1 - Autismo
Páginas : 10 
Fonte : Instituto Nacional de Saúde da Criança.NICHD. EUA . Abril 2002 
Formato : PDF
Baixe >>>
2 - Autismo e Genes
Páginas : 6 Fonte : Instituto Nacional de Saúde da Criança. NICHD. EUA . Abril 2002 Formato : PDF

Baixe >>>
3 - O autismo ea vacina tríplice viral (MMR)
Páginas : 8 Fonte : Instituto Nacional de Saúde da Criança. NICHD. EUA Abril de 2002. Formato : PDF Índice: O que é o autismo?. Por que as pessoas pensam que as vacinas podem causar autismo?. Por que muitos médicos e cientistas acreditam que a vacina MMR não causa autismo?. Existe alguma pesquisa atual para descobrir se a vacina MMR é ligado ao autismo?. O meu filho deve ser vacinado com a vacina MMR?


Baixe >>>
4 - . Perguntas e Respostas sobre autismo para Profissionais de Saúde Autism Research no NICHD-EUA.
Páginas : 12 
Fonte : Instituto Nacional de Saúde da Criança.NICHD. EUA . Abril 2002 
Formato : PDF
Baixe >>>
5 - Bases Biológicas de tratamentos de autismo e drogas
Páginas : 12 
Fonte : Francisco Diaz Atienza. Unidade de Saúde da Criança e do Adolescente Mental de Jaén (Espanha). Rev. Psiquiatria. Psicol. Adolesc criança. 2001, 18-30 
Formato : PDF (80,1 Kb) 
Sumário: 
Uma revisão dos achados biológicos implicados na etiologia do autismo. São algumas das contribuições mais importantes no campo da genética, neurobiologia e outras áreas de preocupação emergente, como são as relações entre as tentativas de estabelecer alguns distúrbios intestinais, imunologia e autismo.
Baixe >>>
6 - O que é Síndrome de Asperger? (AS)
Páginas : 
Fonte : Centro de Deficiência autismo e os (cartão). Flórida. EUA 1999. 
Formato : PDF (19,4 Kb)
Baixe >>>
7 - Transtorno Invasivo do Desenvolvimento (PDD). Uma perspectiva neuropediatria
Páginas : 12 Fonte : Dr. Amparo Morant Gimeno.Neurologista. Serviço de Neuropediatria do Hospital Infantil La Fe de Valência Instituto de Neurologia Pediátrica (INVANEP). Valência.Espanha. 2001. Formato : PDF Índice: Quando falamos de Transtorno Invasivo do Desenvolvimento (PDD) nos referimos a um número de entidades com três grupos de manifestações comuns a todos: 1. Transtorno de relacionamento social, 2. Distúrbio de comunicação, incluindo a fala e compreensão da linguagem, e 3. A falta de flexibilidade mental, o que implica um leque restrito de comportamentos e uma limitação nas atividades que exigem um grau de imaginação. TIDs incluem Transtorno Autista, Transtorno de Rett, Transtorno Desintegrativo da Infância, Transtorno de Asperger e Transtorno Invasivo do Desenvolvimento Sem Outra Especificação, sendo o elo comum de todas as três características mencionadas acima.


Baixe >>>
Postar um comentário

NOSSO JORNAL

ESSE É O NOSSO DIFERENCIAL!

ESSE É O NOSSO DIFERENCIAL!
PROGRAMA ESTRUTURADO, INDIVIDUALIZADO. ATENDIMENTO DOMICILIAR.

Postagens populares

Minha lista de blogs

Ocorreu um erro neste gadget

GOOGLE ANALÍTICO