AUTISMO EM GOIÂNIA

Seguidores

PALAVRAS DA FONOAUDIÓLOGA E MÃE MARILUCE

Eu não vou mudar meu filho porque é autista; eu prefiro mudar o mundo, e fazer um mundo melhor; pois é mais fácil meu filho entender o mundo, do que o mundo entender meu filho.

ESTOU SEMPRE NA BUSCA DE CONHECIMENTOS PARA AJUDAR MEU FILHO E PACIENTES. NÃO SOU ADEPTA DE NENHUM MÉTODO ESPECÍFICO, POIS PREFIRO ACREDITAR NOS SINAIS QUE CADA CRIANÇA DEMONSTRA. O MAIS IMPORTANTE É DEIXÁ-LOS SEREM CRIANÇAS, ACEITAR E AMAR O JEITO DIFERENTE DE SER DE CADA UM, POIS AFINAL; CADA CASO É UM CASO E PRECISAMOS RESPEITAR ESSAS DIFERENÇAS. COMPARAÇÃO? NÃO FAÇO NENHUMA. ISSO É SOFRIMENTO. MEU FILHO É ÚNICO, ASSIM COMO CADA PACIENTE.
SEMPRE REPASSO PARA OS PAIS - INFORMAÇÕES, ESTRATÉGIAS, ACOMODAÇÕES E PEÇO GENTILMENTE QUE "ESTUDEM" E NÃO FIQUEM SE LUDIBRIANDO COM "ESTÓRIAS" FANTASIOSAS DA INTERNET. PREFIRO VIVER O DIA APÓS DIA COM A CERTEZA DE QUE FAÇO O MELHOR PARA MEU FILHO E PACIENTES E QUE POSSO CONTAR COM OS MELHORES TERAPEUTAS - OS PAIS.

Por Mariluce Caetano Barbosa




COMO DEVO LIDAR COM MEU FILHO AUTISTA?

Comece por você, se reeduque, pois daqui pra frente seu mundo será totalmente diferente de tudo o que conheceu até agora. Se reeducar quer dizer: fale pouco, frases curtas e claras; aprenda a gostar de musicas que antes não ouviria; aprenda a ceder, sem se entregar; esqueça os preconceitos, seus ou dos outros, transcenda a coisas tão pequenas. Aprenda a ouvir sem que seja necessário palavras; aprenda a dar carinho sem esperar reciprocidade; aprenda a enxergar beleza onde ninguém vê coisa alguma; aprenda a valorizar os mínimos gestos. Aprenda a ser tradutora desse mundo tão caótico para ele, e você também terá de aprender a traduzir sentimentos, um exemplo disso: "nossa, meu filho tá tão agressivo", tradução: ele se sente frustrado e não sabe lidar com isso, ou está triste, ou apenas não sabe te dizer que ele não quer mais te ver chorando por ele.

domingo, 9 de outubro de 2011

Chorando, o sistema espanhol para medir a dor em crianças não verbais


Medição da dor é sempre complicado, mas existem algumas tabelas que são utilizados para o levantamento de ajustar os níveis de dor do paciente. Mas em unidades pediátricas de muitos pacientes simplesmente não falam porque eles ainda não aprenderam a falar. Portanto, os investigadores do Hospital Universitário La Paz (Madrid) validaram a escala CHORANDO , o primeiro e, atualmente, na única ferramenta espanhola, que mede o nível de dor em crianças com rapidez e facilidade.


Choro não é algo que nasceu ontem, já foi usado como um sistema de referência em mais de 35.000 pacientes pediátricos em Espanha, mas nenhuma data foi que esse sistema tenha passado pelo processo de validação. O mesmo foi feito pela Unidade de Dor Criança, Departamento de Anestesiologia da Criança , Hospital Universitário La Paz , Madrid, Espanha.
A dificuldade de avaliar a dor em crianças sem linguagem suficiente pode levar a um tratamento inadequado de medicamentos e, assim, causar sofrimento desnecessário nas crianças. Daí a importância da avaliação e validação de modelos de avaliação. Tais sistemas são geralmente implementações simples de modelos desenvolvidos em os EUA, mas a aplicação destes sistemas enfrentam diversas barreiras que podem torná-los não têm a qualidade necessária para ser usado com outra língua, em seguida, traduzido e sujeito à qualidade das traduções, por sua vez tem que lidar com diferenças culturais e logística organizacional de cada país em seu sistema hospitalar.
E enquanto estes sistemas são projetados para crianças pequenas (até + - 3 anos), quando normalmente a língua começa a desenvolver, no caso de crianças com PDD que têm um problema grave da linguagem, tanto ausência ou má qualidade semântica do mesmo pragmático, ou qualquer outra condição da linguagem, essa escala pode ser útil quando uma criança com essas características tem que ser, por exemplo, a cirurgia. E assim fazer uma avaliação da dor.
Estudo original, publicado no Jornal de Pediatria, 2011, 74 :10-14
Postar um comentário

NOSSO JORNAL

ESSE É O NOSSO DIFERENCIAL!

ESSE É O NOSSO DIFERENCIAL!
PROGRAMA ESTRUTURADO, INDIVIDUALIZADO. ATENDIMENTO DOMICILIAR.

Postagens populares

Minha lista de blogs

Ocorreu um erro neste gadget

GOOGLE ANALÍTICO