AUTISMO EM GOIÂNIA

Seguidores

PALAVRAS DA FONOAUDIÓLOGA E MÃE MARILUCE

Eu não vou mudar meu filho porque é autista; eu prefiro mudar o mundo, e fazer um mundo melhor; pois é mais fácil meu filho entender o mundo, do que o mundo entender meu filho.

ESTOU SEMPRE NA BUSCA DE CONHECIMENTOS PARA AJUDAR MEU FILHO E PACIENTES. NÃO SOU ADEPTA DE NENHUM MÉTODO ESPECÍFICO, POIS PREFIRO ACREDITAR NOS SINAIS QUE CADA CRIANÇA DEMONSTRA. O MAIS IMPORTANTE É DEIXÁ-LOS SEREM CRIANÇAS, ACEITAR E AMAR O JEITO DIFERENTE DE SER DE CADA UM, POIS AFINAL; CADA CASO É UM CASO E PRECISAMOS RESPEITAR ESSAS DIFERENÇAS. COMPARAÇÃO? NÃO FAÇO NENHUMA. ISSO É SOFRIMENTO. MEU FILHO É ÚNICO, ASSIM COMO CADA PACIENTE.
SEMPRE REPASSO PARA OS PAIS - INFORMAÇÕES, ESTRATÉGIAS, ACOMODAÇÕES E PEÇO GENTILMENTE QUE "ESTUDEM" E NÃO FIQUEM SE LUDIBRIANDO COM "ESTÓRIAS" FANTASIOSAS DA INTERNET. PREFIRO VIVER O DIA APÓS DIA COM A CERTEZA DE QUE FAÇO O MELHOR PARA MEU FILHO E PACIENTES E QUE POSSO CONTAR COM OS MELHORES TERAPEUTAS - OS PAIS.

Por Mariluce Caetano Barbosa




COMO DEVO LIDAR COM MEU FILHO AUTISTA?

Comece por você, se reeduque, pois daqui pra frente seu mundo será totalmente diferente de tudo o que conheceu até agora. Se reeducar quer dizer: fale pouco, frases curtas e claras; aprenda a gostar de musicas que antes não ouviria; aprenda a ceder, sem se entregar; esqueça os preconceitos, seus ou dos outros, transcenda a coisas tão pequenas. Aprenda a ouvir sem que seja necessário palavras; aprenda a dar carinho sem esperar reciprocidade; aprenda a enxergar beleza onde ninguém vê coisa alguma; aprenda a valorizar os mínimos gestos. Aprenda a ser tradutora desse mundo tão caótico para ele, e você também terá de aprender a traduzir sentimentos, um exemplo disso: "nossa, meu filho tá tão agressivo", tradução: ele se sente frustrado e não sabe lidar com isso, ou está triste, ou apenas não sabe te dizer que ele não quer mais te ver chorando por ele.

quarta-feira, 18 de junho de 2014

INFO…Estresse na gravidez ligado ao autismo-Like Traços

INFO…Estresse na gravidez ligado ao autismo-Like Traços 

Por Shaun Heasley
03 de junho de 2014 Tamanho do texto A A
Um novo estudo está ligando o estresse durante a gravidez a um risco aumentado de traços do autismo-como em crianças. (Shutterstock)
Um novo estudo está ligando o estresse durante a gravidez a um risco aumentado de traços do autismo-como em crianças. (Shutterstock)
Mães que sofrem maior estresse durante a gravidez parecem estar em maior risco de ter filhos com traços de autismo-like, sugere um novo estudo.
Os pesquisadores descobriram uma ligação entre as mães de dificuldades vividas durante a gravidez ea probabilidade de que a criança teria dificuldade em fazer amigos ou exibir padrões de fala estranha, imperícia e outras características do autismo-like.
Os resultados vêm de um olhar de longo prazo em 150 famílias afetadas por tempestades de gelo severas em Quebec, Canadá, em janeiro de 1998. Todas as mães no estudo estavam grávidas durante a tempestade de gelo ou ficou grávida pouco depois.
Especificamente, os pesquisadores descobriram que, em seis anos e meio, os traços de autismo-como eram mais proeminente em crianças cujas mães tiveram a maior dificuldade durante a tempestade de gelo - indo mais dias sem energia elétrica, por exemplo.
Além do mais, os resultados reportados neste mês na revista Psychiatry Research sugerem que o efeito do estresse de uma mãe foi mais pronunciada durante o primeiro trimestre da gravidez.
"Nós descobrimos que os efeitos de dificuldades objetivo das mães da tempestade de gelo (como o número de dias sem energia elétrica), ou o seu grau de perigo da tempestade, em todos os aspectos do desenvolvimento da criança que estudamos", disse Suzanne Rei da Universidade de McGill, autor sênior do estudo, que enfatizou que as crianças pesquisadas não tinham autismo, mas apenas diferentes níveis de traços comumente visto no transtorno do desenvolvimento.
"Nossa pesquisa nos mostra quão vulnerável o nascituro é ambiente de sua mãe e de seu estado de espírito", disse King.
Postar um comentário

NOSSO JORNAL

ESSE É O NOSSO DIFERENCIAL!

ESSE É O NOSSO DIFERENCIAL!
PROGRAMA ESTRUTURADO, INDIVIDUALIZADO. ATENDIMENTO DOMICILIAR.

Postagens populares

Minha lista de blogs

Ocorreu um erro neste gadget

GOOGLE ANALÍTICO